//Começa neste domingo a programação da Sapecada

Começa neste domingo a programação da Sapecada

São letras e melodias preparadas especialmente para o evento. Canções sobre histórias do tradicionalismo, paisagens, a rotina e o jeito de ser. As Sapecadas da Canção Nativa e a da Serra Catarinense proporcionam aos musicistas e ao público o sentimento de pertencimento à cultura regional. Além disso, é uma iniciativa para incentivar a produção cultural.

Neste ano, a apresentação terá um diferencial. Para que o artista seja reconhecido pelo público, uma foto com a descrição aparecerá nos telões, depois disso, com o início da música, as paisagens da Serra Catarinense serão exibidas. Além disso, o evento passará a ser internacional. É a primeira vez que um músico de outro continente participada da Sapecada da Canção Nativa.

A programação da 18ª Sapecada da Serra Catarinense começa neste domingo (27), com entrada gratuita a partir das 19 horas, no Parque de Exposições Conta Dinheiro. Com 16 canções e diversos ritmos, o público pode aguardar apresentações preparadas com muita atenção e carinho para que tudo aconteça da melhor forma.

18ª Sapecada da Serra Catarinense

  • Silhueta – Ritmo:Milonga e Chamarrita
  • Pai – Ritmo: Milonga
  • Valseando – Ritmo: Valsa
  • De Relancina – Ritmo: Valsa
  • Dores do Ofício Tropeiro – Ritmo: Chamarra
  • Muleteiro – Ritmo: Pagode de Viola
  • Goela a Baixo – Ritmo: Rancheira
  • Pra o Ano: Ritmo: Milonga
  • Dona Flor – Ritmo: Milonga
  • Pagos Lageanos – Ritmo: Chamamé
  • Bugio Lageano – Ritmo: Bugio
  • Pra quem tem alma de Campo – Ritmo: Milonga
  • Medo – Ritmo: Milongão
  • Coxilha Rica “O Pouso” – Ritmo: Chamamé
  • Senhorita – Ritmo: Toada
  • Sonidos de Esperança – Ritmo: Milonga/ Candombe